Arquivos do Blog

Humor não é crime, preconceito é.

Hoje li, pela primeira vez, um humorista comparando a questão do humor “politicamente incorreto” à questão das biografias, dizendo que haveria uma tentativa de censura da “polícia do politicamente correto”.
Não caiam nesse papo cheio de má-fé. Este é o último argumento daqueles que querem destilar seus preconceitos sem serem questionados.
No último domingo, Bruno Mazzeo fez um quadro sobre a abolição da escravidão no Fantástico. Apesar de muita gente saber enumerar os absurdos da esquete melhor que eu (http://bit.ly/1fgrI2a), o que mais me incomodou foi o fato dos personagens falarem “negro” como se fosse um palavrão. Uma alfinetada na “polícia do politicamente correto”, que só deixaria chamarem os negros de “afrodescendentes”. Se passassem mais tempo refletindo sobre seus preconceitos, não precisariam ser tão seletivos com seu vocabulário. Preto não é xingamento para quem sabe que o negro não é inferior ao branco. Viado não é ofensa se você não trata o gay como submisso, inferior, infantilizado.
A ofensa está na intenção, e não na palavra. Ridicularizar o oprimido é uma liberdade de todos, mas há que se ser forte o suficiente para aguentar as críticas de quem não se submete mais à opressão. E dá pra fazer isso sem parecer um menino mimado contrariado. É difícil, mas tenho certeza que vocês conseguem…

Anúncios

Vândalo Fitness

Vândalo Fitness é o primeiro programa de exercícios baseado no movimento da minoria de vândalos que tomou as ruas do país. Exercite-se!

%d blogueiros gostam disto: