Arquivos do Blog

Rafucko Presidente

capa-facebook-presidente

Lancei minha candidatura à Presidência da República. Confira o site da campanha!

Confira o Programa de Governo

Confira o Manifesto do PBTM – Partido Bom pra Todo Mundo
Há quem diga que o voto em Rafucko é um voto nulo. De fato, as urnas eletrônicas não exibirão meu jovem rosto quando você digitar 01 – elas exibirão uma tela em branco, onde você pode ver o seu reflexo. Logo depois, exibirá a palavra FIM.

Minha primeira proposta de governo é trocar esta palavra, que julgo equivocada. Depois do meu mandato, as urnas exibirão “INÍCIO” ao fim da votação, para que todo eleitor se lembre que a eleição não é um fim em si, mas somente o começo das mudanças que nós todos almejamos.

Ao votar em mim, você vota em você.
Nós para presidentes!

bandeira-pbtm

Bandeira do PBTM – Partido Bom pra Todo Mundo

Anúncios

Melhores da Websfera – youPix 2014

Fui indicado a 5 categorias no youPix 2014! Não levei nenhuma, mas rolou isso aqui, ó:

(no fim da premiação eu subo no palco, prêmio de consolação, pula pra lá se não quiser ver todo o desenrolar da premiação)

Talk Show do Rafucko

Depois de apresentar meu próprio telejornal (Vândalo News), de ter a minha própria novela (Beijo Gay) e meu próprio seriado (Leitura de Tweets), chegou a hora de realizar o sonho do talk-show próprio.

clique para apoiar

As 10 (dez) entrevistas terão entre 10-20 minutos de duração na primeira temporada. Sete convidados já estão confirmados (lista abaixo), os outros três ainda estão sendo produzidos. São pessoas que, de alguma forma, inspiram meu trabalho.

– André Dahmer (autor da tirinha Malvados)
– J.P. Cuenca (escritor e jornalista)
– Laerte Coutinho (cartunista)
– Jean Wyllys (dep. Federal do RJ)
– Marcelo Freixo (dep. estadual do RJ)
– Letuce (multiartista)
– Gregório Duvivier (aquele cara do “Porta dos Fundos”)

O projeto surgiu da necessidade de levantar fundos para a renovação do meu equipamento de vídeo: uma nova câmera, um gravador de som, dois microfones e HDs externos, que serão usados nos trabalhos futuros do meu site, performances, etc. – a bolsa-manifestante ainda não cobre esses custos, infelizmente.

O dinheiro arrecadado será usado, além da renovação do equipamento, para pagar os profissionais que vão produzir o talk-show. A equipe será formada por dois fotógrafos/câmeras, um operador de áudio, uma produtora, uma figurinista e um editor. Há ainda a banda-de-um-homem-só, Dudu Pererê, que fará intervenções poético-musicais em todos os episódios.

As recompensas são iguais independente da quantia doada. Se queremos construir uma sociedade mais igualitária, temos que começar por aí (ok, isso também é para baratear o custo do projeto, ou seja, todo mundo sai ganhando).

Contra a censura da Rede Globo (em 2014!)

O vídeo em que satirizo o editorial do Jornal Nacional foi retirado do YouTube em menos de 12h, quando já contava com 40.000 visualizações.

censura nao

Não é à toa que um dos gritos mais ouvidos nas manifestações diz “a verdade é dura, a Rede Globo apoiou a ditadura (e ainda apóia)!”

Na última semana vimos a emissora dedicar extensas reportagens e editorias para versar sobre a liberdade de expressão. Desde o início das manifestações, a Rede Globo utiliza sistematicamente imagens de coletivos de mídia independente sem dar créditos ou pedir prévia autorização.

Entretanto, meu vídeo satirizando o Jornal Nacional foi retirado do ar menos de 12h após sua publicação. O papo dos “direitos autorais” eu dispenso. Quem achar que é certo remover meu vídeo, leia http://pt.wikipedia.org/wiki/Fair_use

ASSISTA ao vídeo censurado, em novos links:

> Vimeo: https://vimeo.com/86991705
> Wetransfer (mp4 para download): http://we.tl/b8EFTUTF3R

E aqui os links para os vídeos recomendados ao fim do editorial consertado:
> Globo exalta a ditadura (1975)

> O mantra “vandalismo”

> A prisão de Arthur Couto: o que realmente aconteceu

> Rede Globo mente sobre protesto

Retrospectiva Rafucko 2013

Em 2013, interpretei muitos personagens em meus vídeos. Mas alguns personagens que conheci na vida real ficaram de fora. Agora não mais.

Dei na grande mídia

Eu, Rafuckinho, dei na Revista Galileu de dezembro, na lista das “25 pessoas mais influentes da internet brasileira”!

galileu-25

 

Recentemente fiz duas listas aqui no blog – uma do prêmio de protestos e um time de brasileiros criativos – e fiquei surpreso com a quantidade de respostas negativas, me cobrando nomes que não entraram, questionando o valor das listas que, nunca escondi, não valhiam absolutamente nada.

Pra mim, essas recomendações devem servir como algo construtivo, um prestígio aos que foram citados, e não para destruir os que ficaram de fora. Enquanto a legitimidade do seu trabalho, do seu conteúdo e da sua vida estiver relacionada à aprovação dos outros, você pode acabar virando refém de quem te aprova e – o pior – de quem te desaprova.

Obrigado a todos que contribuem de forma positiva pro meu trabalho, que discutem aqui na página e nos comentários dos vídeos, que compartilham um trabalho que me é muito caro. A companhia de vocês, concordando ou discordando, é o que de fato vale à pena.

Agora chega de auto-ajuda e vamos ao que interessa: podem ir preparando os bolsos, que agora que eu saí nessa lista aê meu cachê dobrou, tá boua?

Segue a nova tabela já com os reajustes:

– Participação em debates: R$ 10,10 (somente uma condução ida-volta inclusa)
– Presença VIP em protestos contra aumento de passagens: R$ 0,40
– Vídeos para sua causa (caso eu concorde): R$ 0
– Vídeos para sua causa (caso eu discorde): 2 parcelas de R$ ∞
– Programa sexual (homens bonitos): R$ 0
– Programa sexual (homens feios): 6 caipirinhas
– Programa sexual (mulheres): produto fora de estoque

Debate: Protestos e Redes Sociais

O debate que participei no YouPix Rio está no ar, na íntegra. Vale a pena assistir.

Qual a influência que as redes sociais, mídias alternativas e a mainstream media tiveram na construção da opinião e na disseminação da informação durante os protestos recentes? De que maneira impactaram a maneira como vamos consumir e distribuir informação?
Com Pedro Dória (Editor Executivo de Plataformas Digitais do jornal O Globo), Rodrigo de Almeida (editor do portal IG), Alexandre Inagaki (jornalista, blogueiro e consultor de mídias digitais), Rafucko (videomaker e manifestante, chamado por Caetano Veloso de Cohn-Bendit de 2013), membros da Mídia Ninja do Rio e mediação de David Butter (jornalista e produtor independente com passagens pela Globo e G1).

 

Assista também:

Relatório de Transparência – Ditadura Gay vs. Silas Malafaia

rafucko-silas2

RELATÓRIO DE TRANSPARÊNCIA DA DITADURA GAY – “NA MORAL”

Neste link, é possível conferir três trechos que mostram como foi feita a fiscalização do Ditador Gay no debate sobre Religião vs. Política com a participação do inimigo de Estado, o pastor Silas Malafaia. Não há “censura”, como bradam os inimigos do novo regime.

No segundo vídeo, quando Silas Malafaia afirma que “até na Igreja Evangélica tem ladrão”, o Ditador Gay, ao fundo, sinaliza um deles, sem interromper a fala do referido pastor.

No terceiro vídeo, Silas e Rafucko ficam cara a cara em rede nacional, pela primeira vez.
Malafaia respeitou o artigo 98 do GCOM-DG (Guia de Comunicação da Ditadura Gay), que diz: “Em programas de auditório, é dever do apresentador manter a ordem e salubridade do debate, recaindo sobre os homofóbicos, pastores e políticos em busca de holofotes a responsabilidade de promover a ridicularização de si próprios.”
Desta forma, é possível afirmar que não houve crime e nenhuma intervenção se fez necessária.

Assista ao programa na íntegra

rafuckoesilas

Saiba mais sobre o GCOM-DG

Saiba mais sobre a Ditadura Gay

Coletiva de imprensa sobre o lançamento do Kit Gay

Hoje, às 21h, tem streaming ao vivo da coletiva de imprensa de lançamento do Kit Gay do Rafucko. Estejam online! O link vai ser publicado alguns minutos antes no twitter e no Facebook.

ditadura gay coletiva

Rafucko na JUNIOR

Esse mês saiu uma reportagem massa sobre ~euzinha~ na Revista Junior. Segue! :)

Rafucko na Junior

Quem quiser comprar nas bancas pra dar aquela moral, a capa é essa:

CapaJuniorRafucko

%d blogueiros gostam disto: